Apaixonados em Paris – o mur des je t’aime

Je t’aime, I love you, Ich liebe dich, te quiero, te amo… Quantas formas diferentes de expressar algo lindo como o amor! Hoje falaremos sobre um lugar muito romântico que visitamos em Paris e que é pouco conhecido, ou às vezes esquecido, pelos viajantes quando estão afoitos por ir às grandes atrações. Este lugar é quase um esconderijo, um refúgio para os apaixonados em Paris… É mais um cantinho da cidade que a torna inesquecível quando se viaja com alguém que se ama. Ainda não advinhou? Estamos falando do “mur des je t’aime”, ou melhor, o muro dos “eu-te-amo”!!!

O mur des jet'aime. Um muro dedicado ao amor.

O mur des jet’aime. Um muro dedicado ao amor.

“Em um mundo marcado pela violência, dominado pelo individualismo, paredes, como fronteiras, geralmente servem para dividir as pessoas, separar as pessoas, para proteger um do outro. O muro do eu te amo será o contrário, um hífen entre os homens, um lugar de reconciliação, um espelho que reflete a imagem de paz.” – trecho traduzido da descrição da obra do artista no site oficial do muro (para conhecer clique aqui).

A idéia veio de Fréderic Báron que resolveu fazer um tipo de viagem volta ao mundo um pouco diferente. Não precisou pegar avião e visitar os locais. Apenas foi coletando a frase “eu te amo” com cada pessoa que encontrava e que conhecesse outras línguas. A tarefa foi árdua e durou muitos anos até quando conseguiu, finalmente, reunir mais de 1000 frases escritas em três grandes pastas com aproximadamente 300 línguas diferentes.

A frase em 311 línguas diferentes....

A frase em 311 línguas diferentes….

Um muro de 40 metros quadrados, revestido com 612 ladrilhos que contém a frase em 311 idiomas e dialetos – até a linguagem dos sinais não ficou de fora… Intercaladas às frases há pedaços de corações espalhados pelo mural. Claire Kito, um artista plástica francesa conhecedora da escrita oriental, participou da obra.

Nossa primeira viagem a Paris, conhecemos esse lugar especial...

Nossa primeira viagem a Paris, conhecemos esse lugar especial…

Agora uma dica: tenha perseverança para encontrá-lo, ele é tão bem escondido que corre o risco de nem ser visto! O encontramos ao chegarmos na linda praça de Abbesses, em MontMartre, ficamos um tempo admirando a praça, o carrossel e nos localizando. Depois vimos uma pequena extensão da praça toda arborizada, com banquinhos para você descansar ou ver o tempo passar. Ali, bem escondido dos olhares dos que passavam pela praça, encontra-se o muro.

Praça de Abbesses, lugar escondido para dar um ar mais romântico à obra...

Praça de Abbesses, lugar escondido para dar um ar mais romântico à obra…

Refugio onde fica o muro, com muitas árvores e barquinhas para os casais se sentarem...

Refugio onde fica o muro, com muitas árvores e banquinhos para os casais se sentarem…

Havia idosos conversando em um dos banquinhos, casais de turistas curtindo local, as folhas caindo no outono europeu… Suspiro.   A diversão maior foi tentar encontrar a versão em português da frase, depois de buscar incesantemente, enfim, achamos… Deve-se registrar o momento com lindas fotos, vale pedir para aquele casal de estranhos tirarem suas fotos, mas ofereça-se a tirar deles, não há nada mais difícil de viajar a dois do que o momento da foto do casal – vai confiar? – aqui pode pois todos estão com a sensação de “o amor está no ar”.

Te amo - depois de um tempão procurando, achamos...

Te amo – depois de um tempão procurando, achamos…

Eu amo-te, será que você consegue encontrar?

Eu amo-te, será que você consegue encontrar?

Termine o passeio pegando o metrô Abbesses pelo lindo portal em art-noveau, ou vá passeando pelas ruas desse bairro super romântico, com certeza vocês não irão se arrepender…

Portal Art Nouveau do metrô de Abbesses. Um charme a mais para a praça...

Portal Art Nouveau do metrô de Abbesses. Um charme a mais para a praça…

Quem nunca escreveu em um diário quando adolescente o nome da pessoa amada? Ou com corretivo em carteira da escola? Ou com um faca gravou iniciais dentro de um coração em uma árvore? Este monumento é para aqueles que jovens, ou com uma certa idade, não deixaram de praticar este verbo que é tão lindo… O Amor. Não deixe de ir!

Gostamos tanto que tivemos de voltar na segunda viagem a Paris... C'est l'amour...

Gostamos tanto que tivemos de voltar na segunda viagem a Paris… C’est l’amour…

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário sobre “Apaixonados em Paris – o mur des je t’aime

  1. Heloisa Helena Tomaz Mialaret

    Sempre sonhei com Paris, fui e me surpreendi . Paris é muito, mas muito mais do poderia imaginar. Preciso voltar. Meu coração ficou lá;. Penso que mesmo retornando mil vezes nunca trarei meu coração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: