Conhecer ou visitar – Quantos dias ficar em Paris?

Paris, inesquecível

Paris, inesquecível

Nos pegamos muuuitas vezes dizendo ou pensando: Que saudades de Paris!!!  Para alguns pode parecer um exagero, para outros, nos passamos de chatos… Mas só irá entender esse sentimento quem realmente for a Paris, com a melhor companhia do mundo, curtindo todo aquele clima, se apaixonar pelos costumes, sabores, essências, mas também pela história, riquezas e a cultura sofisticada de um povo que faz de Paris, a cidade luz, a mais bonita do mundo e a mais romântica… Na nossa opinião!!!

Se alguém nos perguntar, qual seria o tempo ideal para conhecer Paris e vivenciar os costumes de um parisiense, nós lhe diríamos não menos que 8 dias (fica registrado que é muito pouco ainda, mas já é alguma coisa). Menos que isso você poderá dizer que deu uma passadinha por Paris!!! Agora, se você quiser se apaixonar e fazer de Paris inesquecível, nós diríamos uns 12 a 15 dias (para começo de conversa!)… Quem sabem um mês inteiro? Rsrs…

Ficamos duas semanas, foram dias ótimos, mas se nos perguntarem se ficaríamos mais… A resposta será rápida e com os olhos brilhando… SIMMMM!!! Moraríamos naquele lugar…

É muito comum o turista brasileiro sair por aí dizendo que conheceu certa cidade. Encher a boca para falar que já foi para tal lugar e viu tudo em quatro dias. Ainda mais falando de cidades européias. Já vimos pacotes sendo vendidos em agências de turismo dando para Paris apenas míseros DOIS dias!!! Se alguém me oferecesse um pacote assim eu daria um soco na cara dele e falaria para acordar… Isso não é coisa que se faça! É quase um crime!!!

Palais Chaillot

Palais Chaillot

Temos ( os brasileiros) o costume de querer “aproveitar” o investimento das passagens para fazer aquela viagem “conheça-a-Europa-de-uma-vez-só”… Não estamos desmerecendo o povo brasileiro, não!  Longe disso! Mas, apesar da redução dos preços nos últimos anos e crescente número de viajantes internacionais, reconhecemos que o investimento ainda permanece alto para uma viagem internacional… E que a tentação de aproveitar a viagem para fazer uma extensão a países vizinhos apareceu também em nossos corações brasileiros… Mas, achamos importantíssimo resistir veemente e ter foco em um lugar. Ou, no máximo, cidades próximas para um “bate e volta”…

Entretanto, se você prefere mesmo amanhecer em uma cidade e anoitecer em outra, vai uma dica valiosa: Certa vez nos falaram que em uma viagem européia nunca deveríamos iniciar em Paris e partir para outros destinos posteriormente… O motivo é óbvio! Sua viagem certamente perderá a graça ao começar já pelo “recheio do biscoito recheado”. Pois dificilmente haverá outra cidade que emocione tanto quanto Paris – elas podem até se aproximar, mas te encantar completamente, jamais!

As duas semanas que passamos não nos dão a liberdade de dizermos que conhecemos Paris de cabo a rabo, mas sim visitamos muito bem a cidade.

Apesar de marcar ponto em muitos lugares além dos de sempre (Louvre – Torre Eiffel – Champs Elysées), e ter muita história para contar, muitos outros locais ainda tiveram que ser deixados para uma próxima visita.

Arco do Triunfo à noite...

Arco do Triunfo à noite…

Se o tempo está a seu favor, vá com calma para a capital francesa, saboreie mais as delícias que ela te oferece. Vão algumas dicas:
  • Não marque mais de um museu por dia, principalmente se for um dos museus magníficos… ( o Louvre foi visitado três vezes e mesmo assim vimos o básico do básico).
  • Ande sem pressa pelas lindas ruas estreitas da cidade, admirando cada detalhe que surgir diante de você.
  • Cansou de andar? Pare em uma brasserie ou boulangerie, e delicie-se de um chocolate quente ou cafezinho e aproveite para ler seu guia tranqüilamente.
  • Compre uma baguette e carregue debaixo do braço até algum lugar para devorá-la – quer algo mais francês que isso?
  • Não tenha vergonha de fazer aquele picnic em uma das praças ou jardins que existem, ou às margens do rio Sena.
  • Separe um dia para compras! Compras e visitas de museu no mesmo dia não combinam…
  • Cansou de andar, que tal passear de barco – os cruzeiros do Sena são para todos os bolsos, não há porque deixar de ir!!!
  • Sempre inicie sua conversa com um nativo usando um lindo “bonjour” – apesar de falarem que são ranzinzas, isso é um mito! – na maioria fomos muito bem atendidos, mesmo falando em inglês depois da palavrinha mágica… Educação é primordial em qualquer lugar…
  • Aproveite e visite as atrações também à noite, com certeza você verá uma Paris iluminada!!!
  • Se você tiver que escolher em qual torre subir, fuja da Torre Eiffel… Mas como??? Não ficamos doidos não! É muito mais recomendável você gastar dez minutos para subir a torre de Montparnasse do que as quase três horas de espera para subir na Torre Eiffel. E ainda, a de Montparnasse tem a vantegem inesquecível de se ver a própria torre Eiffel na paisagem!!! Dica maravilhosa – vá à noite pois obrilho de Paris vai te deixar de boca aberta!
Vista do mirante da Tour de Montparnasse - o melhor mirante de Paris!!!

Vista do mirante da Tour de Montparnasse – o melhor mirante de Paris!!!

Enfim, se tiver como investir mais tempo, vá para Versalhes, Giverny ou Castelos do Vale do Loire – com certeza lhe renderá muitas fotos de babar!!! E a partir de agora, usem o verbo conhecer com mais cautela.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário sobre “Conhecer ou visitar – Quantos dias ficar em Paris?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: